Comissionado leva multa de R$ 5 mil por propaganda antecipada a favor de Gean

Tiago Meurer, nomeado no Procon de Florianópolis, divulgou vídeo com pedido explícito de voto para o atual Prefeito.

25 set 2020, 07:07
Comissionado leva multa de R$ 5 mil por propaganda antecipada a favor de Gean

O Superintende da Defesa do Consumidor da Prefeitura de Florianópolis, Tiago Meurer da Silva, foi condenado a pagar R$ 5 mil por realizar propaganda eleitoral antecipada. A decisão é do juiz Luiz Henrique Bonatelli, a partir de representação apresentada pelo Diretório Municipal do PSOL em Florianópolis.

Tiago Meurer, que é primo do vereador Gabriel Meurer (Podemos), divulgou um vídeo em suas redes sociais no dia 14 de setembro, com pedido explícito de votos ao Prefeito Gean Loureiro, candidato a reeleição. A prática é irregular, já que a campanha eleitoral começa apenas no dia 27.

Além de enumerar supostas obras do atual governo, o vídeo terminava exibindo a marca da campanha de reeleição do atual Prefeito, com nome, número e o candidato a vice, não restando dúvidas sobre a irregularidade.

PSOL vai fiscalizar adversários

“Entendi que todo o conjunto de circunstâncias acima descrito caracterizou claro pedido de votos, e não apenas o fato de constar o nome do candidato e número da legenda”, afirmou Bonatelli, na decisão.

A presidenta interina do PSOL Florianópolis, Rebecca Neto, afirmou que o partido continuará fiscalizando os adversários. “Precisamos garantir a lisura do processo eleitoral e denunciar abusos que beneficiam principalmente o atual Prefeito”, afirmou.