Em um mês, mais pessoas doaram para Camasão do que para 17 vereadores eleitos em 2016

Um mês após iniciar um financiamento coletivo para as eleições de 2020, a pré-campanha de Leonel Camasão a vereador atingiu mais doadores individuais do que a soma de 17 vereadores eleitos em 2016. Nos primeiros 30 dias, Camasão obteve apoio financeiro de 92 pessoas. Juntos, o grupo de parlamentares citado recebeu dinheiro de apenas 90 […]

15 jun 2020, 14:56
Em um mês, mais pessoas doaram para Camasão do que para 17 vereadores eleitos em 2016

Um mês após iniciar um financiamento coletivo para as eleições de 2020, a pré-campanha de Leonel Camasão a vereador atingiu mais doadores individuais do que a soma de 17 vereadores eleitos em 2016.

Nos primeiros 30 dias, Camasão obteve apoio financeiro de 92 pessoas. Juntos, o grupo de parlamentares citado recebeu dinheiro de apenas 90 pessoas diferentes. Os dados são de um relatório elaborado pela pré-campanha.

Baixe o relatório

Em apenas 30 dias, há mais pessoas doando para o pré-candidato do PSOL do que para qualquer vereador eleito em 2016.

Nas eleições passadas, Lino Peres, do PT, foi o recordista, com 75 doadores. Já Bruno Souza, atualmente no NOVO, não teve nenhum apoiador. Ele botou R$ 15.458,45 do próprio bolso em sua campanha.

O comparativo se deu com os 17 parlamentares que tiveram as maiores doações médias por pessoa. Apesar do número similar de doadores, o valor arrecadado é discrepante. Enquanto Camasão arrecadou R$ 6.035,00, esse grupo reuniu R$ 680.060,87, quase 113 vezes mais.

“Isso mostra que nossa pré-campanha é financiada por muita gente que contribui com pouco, enquanto a regra é pouca gente que contribui com muito”, avalia o pré-candidato.

“Não é só o número de pessoas. São concepções diferentes de como fazer política. Se eu tenho várias pessoas que me doaram R$50, R$ 100 e você tem uma pessoa que te doou R$ 100 mil, quem você acha que tem mais autonomia dentro do parlamento? Quem é que pode dar R$ 100 mil pra um candidato? De graça, não é”, argumentou.

As doações mais comuns para Camasão foram de R$ 50 (24 doações), R$ 100 (21) e R$ 10 (14). Em média, as contribuições foram de R$ 58,57. No grupo comparado, o valor médio chega a R$ 7.556,23.

Para fazer a comparação, foram considerados apenas as doações em dinheiro feitas por pessoas físicas. Contribuições em serviços, realizadas pelos partidos ou por outros candidatos não entram na conta.

Confira abaixo

NOMEDOADORES
ÚNICOS
VALOR
TOTAL
DOAÇÃO
MÉDIA
Dalmo Meneses2R$ 101.465,00R$ 50.732,50
Rafael Daux5R$ 127.500,00R$ 25.500,00
Bruno Souza1R$ 15.458,45R$ 15.458,45
Miltinho1R$ 13.950,00R$ 13.950,00
Fábio Braga3R$ 41.500,00R$ 13.833,33
Marcelo da Intendência4R$ 46.500,00R$ 11.625,00
Erádio2R$ 21.852,00R$ 10.926,00
João Luiz da Bega3R$ 26.050,00R$ 8.683,33
Gui Pereira5R$ 42.550,00R$ 8.510,00
Tiago Silva10R$ 83.200,00R$ 8.320,00
Maria da Graça3R$ 17.075,00R$ 5.691,67
Dinho8R$ 36.450,00R$ 4.556,25
Lela5R$ 20.000,00R$ 4.000,00
Renato Geske3R$ 8.464,00R$ 2.821,33
Katumi13R$ 32.119,42R$ 2.470,72
Maikon da Costa10R$ 24.467,00R$ 2.446,70
Claudinei Marques12R$ 21.460,00R$ 1.788,33
Edinho16R$ 21.900,00R$ 1.368,75
Afrânio12R$ 15.500,00R$ 1.291,67
Pedrão3R$ 2.300,00R$ 766,67
Gabrielzinho8R$ 5.500,00R$ 687,50
Lino Peres75R$ 45.370,00R$ 604,93
Marquito27R$ 8.680,00R$ 321,48
TOTAL231R$ 779.310,87R$ 3.373,64
Fonte: TSE

“Vaquinha” continua até dia da eleição

A pré-campanha de Camasão estabeleceu três metas de arrecadação. A primeira, de R$ 3.500, foi atingida em nove dias. A segunda, de R$ 8.000, está em andamento, com 75% alcançados. O objetivo é chegar a R$ 17.500 até o início das eleições, previsto para 16 de agosto.

Acesse www.camasao.com.br/doe para contribuir.